sábado, 14 de agosto de 2010

O poder das cintas modeladoras



Por muito tempo usei cinta modeladora e, até meus vinte anos, mesmo sendo gordinha, não possuia barriga estufada por causa desta. Claro que, por muitas vezes me zombaram por usar este artefato, mas quando viram que realmente funcionava, deram o braço a torcer e também se tornaram adeptas. Existem vários modelos, que se adaptam aos diferentes tipos de corpo e por este motivo, a cinta modeladora pode ser de grande valia para um visual mais elegante.
. Algumas mulheres acham que usando-a, se torna desleal consigo mesma, fazendo os demais acreditarem que ela possui mesmo aquela cinturinha firme, mas quando retira a cinta, as gordurinhas reaparecem nos deixando chateadas. Só, que para felicidade de algumas que sonham em possuir uns centímetros a menos na cintura, alguns tipos de cintas modeladoras, afinam realmente a cintura. O espartilho é um desses ícones que foi muito usado pelas francesas no século XVIII, pois usavam vestidos volumosos, cinturados e com decotes vistosos, marcados por espartilhos apertadíssimos que não permitiam movimentos bruscos. A peça parou de ser usada no século XX quando Paul Poiret criou um vestido com corte reto até os pés, com isso foi decretado o fim do “bustier”. Nos anos 80 celebridades como Madonna popularizou a peça, e na medida em que as mulheres foram ganhando mercado e conquistando seu lugar na sociedade, as roupas foram ganhando mais sensualidade e ousadia.
.
Essa peça pode ser usada por baixo de qualquer roupa como lingerie, e também pode vir na forma de corset que em diversas ocasiões pode deixar a mulher mais feminina e sensual, existem modelos para o dia-a-dia e para festa informais, em uma espécie de “tomara que caia” bem justinho e cinturado, ou a baixo dos seios por cima de uma blusa.
.
Eu apoio o uso de espartilho para modelar a cintura numa ocasião especial, mas não para um uso contínuo, pois apesar de Cathie Jung possuir apenas 38,1 cm de cintura e, o seu marido cirugião ortopético dizer que o uso do espartilho não ocasionou nenhum problema em sua mulher, cada caso é um caso. Não é porque ela não teve problemas que você também não terá.
.
Veja a FOTO que relata como ficam os órgãos sendo apertados continuamente por um espartilho. Use com modelação moderação.-Conheça um pouco da história de Cathie Jung.
.

A cintura mais fina do mundo

 
Quem ostenta a cintura mais fina do mundo é a americana Cathie Jung, de 71 anos de idade. Ela mede 1,72m e tem apenas 38,1cm de cintura. Há 25 anos usa espartilhos 24 horas por dia. Seu marido, cirurgião ortopédico, a incentivou a  moldar sua cintura, que tem o tamanho aproximado de um CD.
.
Cathie não fez uso de dieta especial nem de exercícios específicos. Seu nome está inscrito no livro Guinness dos recordes. O marido da recordista garante que o uso constante de espartilhos apertados - prática que ela iniciou em 1983 - não causou nenhum problema de saúde a sua mulher.

3 comentários:

Anônimo disse...

oi querida... vi seu post .. e comprei uma cinta modeladora e meu corpo melhorou muito.. msm... e realmente funciona.. o bom que hj existem cinta que apertao exatamente igual a um espartilho e com o "conforto" da cintas.. a que eu comprei e da marca slim control brasil ... eu sou daki de curitiba...e esta cinta e muito bem aceita por aqui vale a pena voce conferir .

abraços

mari disse...

eu queria muito afinar minhas pernas! será que aquelas cintas modeladoras cor de pele que vão até o joelho é suficiente? me dê mais dicas!

Julyana Powbell disse...

Oi Mari, penso que as cintas modeladoras emborrachadas são perfeitas para serem usadas nas penas, pois seu uso nos faz até emagrecer. Bjokas e obrigado por comentar!